ARQUITETURA

CONSELHOS SE POSICIONAM CONTRA EDUCAÇÃO EXCLUSIVAMENTE ON LINE

(Publicado em 17/05/2019)



Cada vez mais em crescimento e com polos até mesmo fora do País, o ensino a distância (EaD) está, novamente, diante de um impasse. O motivo é que conselhos profissionais de diferentes áreas têm aprovado resoluções que proíbem os estudantes formados nessa modalidade de exercerem a carreira. Só neste ano, ao menos quatro entidades representativas já se manifestaram favoráveis à decisão de recusar o registro profissional de alunos formados a distância.

Em fevereiro, seguido pelo Conselho Federal de Odontologia (CFO-BR), os conselhos de Medicina Veterinária e Farmácia também emitiram decisões nesse sentido. Da mesma forma, em março, o Conselho Federal de Arquitetura e Urbanismo (CAU-BR) adotou a medida. Como argumento, todos concordam que não é possível garantir a formação de qualidade apenas com aulas on-line e que atividades práticas são essenciais às respectivas profissões.



Para obter mais informações visite jornaldocomercio

Faça seu comentário

Favor, evite enviar links, pois seu comentário será recusado.

Seu IP: 54.91.71.108 (Identificação de seu computador na internet)

* campos obrigatórios
Compartilhe: 13