VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL

DE UMA CARTA DESPRETENCIOSA A UMA SÉRIE DE LIVROS

(Publicado em 22/08/2016)



É uma longa história de fatos encadeados:

Em 2003 recebi um e-mail de um jovem engenheiro recém formado, pedindo alguns conselhos para o início da sua carreira. Não me fiz de rogado e a minha resposta acabou se tornando a “Carta a um Engenheiro Recém-formado”, um artigo com meia dúzia de recomendações que fizeram um grande sucesso. Tornou-se um dos artigos mais lidos do meu site por muito tempo, além de ter sido replicado em muitos jornais e revistas em todo o país (as redes sociais ainda não existiam para fazer esse trabalho).

Dez anos depois de publicada a carta, em março de 2013, tive o privilégio de ser convidado para ser paraninfo da turma de Engenharia Elétrica da UFSC (no mesmo curso e na mesma universidade onde eu me formei, em 1986). Os alunos chegaram até a mim, entre outras coisas, por terem lido a tal carta e queriam que o meu discurso tivesse aquele tom. Então utilizei a carta como base, acrescentei alguns conselhos e cheguei ao meu “Discurso aos Engenheiros Recém-Formados”, que também foi publicado no site e manteve o interesse de muitos leitores.

Pois bem: no início de 2015, depois de ter lido o discurso, a Associação de Engenheiros e Arquitetos de Maringá (numa parceria com o Crea-PR) me convidou para apresentar uma palestra num evento de Entrega dos Registros Profissionais aos novos engenheiros da região de Maringá. Fiquei muito entusiasmado com o convite e muito motivado. Tanto que acabei produzindo uma palestra nova, inédita, baseada no discurso (que tem a ver com gestão de carreira) e com umas pitadas de administração de negócios.

Nasceu assim a palestra CARREIRA E EXERCÍCIO PROFISSIONAL: RESPONSABILIDADE E PRODUTIVIDADE. (Essa palestra é destinada especialmente a Jovens Engenheiros e Arquitetos com o objetivo de oferecer recomendações úteis para os primeiros passos na carreira profissional. Trata dos conceitos de Carreira e de Exercício Profissional e também apresenta recomendações para que o exercício profissional não apenas propicie o progresso do profissional mas também garanta sua contribuição para a permanente Valorização da Profissão).

A apresentação da palestra em Maringá foi um sucesso. A palestra incorporou-se definitivamente ao meu portifólio e segue sendo apresentada até hoje. A organização do material para aquela palestra despertou a ideia de escrever um livro destinado a esses jovens profissionais que chegam ao mercado. Preparei um projeto e apresentei ao presidente do Crea-SC (Carlos Alberto Kita Xavier) ele ficou entusiasmado com a ideia. Levou a proposta aos conselheiros e obteve a aprovação. E assim, em julho de 2015 foi lançada a primeira edição do livro MANUAL DO ENGENHEIRO RECÉM-FORMADO, cuja primeira edição (especial) foi totalmente adquirida pelo Crea-SC e distribuído em eventos destinados a jovens engenheiros no estado de Santa Catarina.

O sucesso da primeira edição do livro levou a Editora OitoNoveTrês a lançar a segunda edição já em agosto de 2015 e o livro segue o seu curso de bons resultados até agora, cumprindo seu principal objetivo: ser uma âncora para jovens profissionais para que eles possam se orientar e realizar com maiores acertos os primeiros passos no exercício profissional.

Com a repercussão positiva do “Manual” a OitoNoveTrês resolveu investir também na produção de outro livro, destinado aos jovens arquitetos. Para essa empreitada convidei um jovem (40 anos) arquiteto paulista, Jean Tosetto, que mostrou-se um autor de excelente qualidade. Nasceu assim o “ARQUITETO 1.0 - um manual para o profissional recém-formado” um livro com a mesma natureza e finalidade do Manual do Engenheiro Recém-formado, porém, destinado aos arquitetos. Tosetto pode ser considerado o autor principal do livro, uma vez que ele escreveu 8 dos 12 capítulos do livro. O livro foi lançado em dezembro de 2015 e foi o segundo de uma série que seria ampliada no ano seguinte.





Em maio de 2016 três cirurgiãs-dentistas (Clara Padilha, Maria Fernanda Belatto e Camila Kuhnen) lançaram (também pela Editora OitoNoveTrês), o livro #QUASEDENTISTA - manual do cirurgião-dentista recém-formado. Que também tem despertado o interesse de muitos jovens profissionais leitores no Brasil inteiro.

Recentemente fui convidado para apresentar a palestra CARREIRA E EXERCÍCIO PROFISSIONAL: RESPONSABILIDADE E PRODUTIVIDADE no Forum Jovem, evento realizado pelo CreaJr Nacional e que foi realizado durante a SOEA, em Foz do Iguaçu (31 de agosto e 01 de setembro de 2016).




Novamente fiquei muito entusiasmado. Resolvi fazer uma revisão na palestra, agora baseada no livro. Faltava alguma coisa: as ilustrações geniais do engenheiro Sérgio Santos, de Fortaleza (que tinha feito um trabalho magnífico para o livro). Fiz o convite. Ele, com aquele coração enorme, aceitou. O resultado (dez ilustrações sensacionais) foi visto pelos jovens estudantes de Engenharia que estavam presentes ao Fórum Jovem de Foz do Iguaçu (mas, uma palhinha pode ser vista abaixo:



Ou seja: aquela despretenciosa “Carta a um Engenheiro Recém-Formado” de 2003, produziu muitos e ótimos frutos!



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br



---Artigo2016 ---Gestão de Carreira

Faça seu comentário

Favor, evite enviar links, pois seu comentário será recusado.

Seu IP: 54.81.45.122 (Identificação de seu computador na internet)

* campos obrigatórios
Compartilhe: 397