ENGENHARIA

REFORMULAÇÃO: A VERSÃO DO ENGENHEIRO 4.0

(Publicado em 28/05/2018)



As diretrizes dos cursos de engenharia no Brasil estão passando por um processo de reformulação. A nova proposta que está sendo discutida em Brasília visa aproximar as formações acadêmicas das demandas do mercado de trabalho, hoje norteadas pela indústria 4.0, que une conceitos e experiências nos campos da robótica, internet das coisas e inteligência artificial.

A proposta será colocada para consulta pública em maio pelo Conselho Nacional de Educação (CNE). A expectativa é que, até julho, novas diretrizes sejam aprovadas pela Câmara dos Deputados, para que, em 2019, as universidades comecem a atualizar seus currículos.

Além de estimular as instituições de ensino a formar seus alunos a partir dos novos requisitos de empregabilidade, a proposta é reduzir os índices de evasão, cuja média nacional é de 50%. A última atualização das diretrizes foi feita em 2002.



Para obter mais informações visite diariodepernambuco

Faça seu comentário

Favor, evite enviar links, pois seu comentário será recusado.

Seu IP: 54.162.133.222 (Identificação de seu computador na internet)

* campos obrigatórios
Compartilhe: 49