MARKETING X ÉTICA

(Publicado em 12/05/2006)



Você gostaria que sua filha casasse com um homem de marketing?
A pergunta acima é o título de um artigo publicado por R. N. Farmer no Journal of Marketing, em janeiro de 1967. Nesse artigo o autor identificava as duas principais acusações às quais o marketing estava submetido: falta de ética e irrelevância.

A pergunta reflete a desconfiança que existia e que ainda existe na cabeça de muita gente sobre os objetivos do marketing e as intenções de quem o pratica. Deriva daí uma série de outras perguntas que freqüentemente são feitas com maior ou menor grau de explicitação: existirá compatibilidade entre marketing e ética? É possível ter um bom marketing e, ao mesmo tempo, ter um bom produto, que atenda as necessidades e desejos do cliente e não apenas as necessidades e desejos de quem produz e vende? Ter um bom marketing não seria um indicativo de que o produto tem algum defeito e que precisa, de alguma forma, ser mascarado?

O artigo ÉTICA NO MARKETING E NOS NEGÓCIOS, produzido como material de apoio aos meus alunos nos cursos de pós-graduação, talvez consiga esclarecer algumas dessas questões.
(clique sobre o link, acima, e baixe o arquivo .PDF)



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO

(todos os campos abaixo são obrigatórios

Nome:
E-mail:
Profissão:
Cidade-UF:
Comentário:

www.eniopadilha.com.br - website do engenheiro e professor Ênio Padilha - versão 7.00 [2020]

powered by OitoNoveTrês Produções

4455432

5