POR QUE CONTRATAR UM PROFISSIONAL REGISTRADO NO SISTEMA CONFEA/CREA

(Publicado em 01/02/2012)



No site do Confea você encontra um espaço destinado à SOCIEDADE (portanto, ao leigo, cheio de dúvidas). Nesse espaço existe um link que parece conter muitas respostas: Por que contratar um Profissional Registrado. Ao clicar, no entanto, fiquei um pouco desapontado pois acho que o leitor (que não seja profissional do sistema) não estará sendo suficientemente motivado a mudar de idéia.

Veja, na imagem abaixo, que está publicado:





Site do Confea



Entendo que se um cidadão comum clicar sobre aquele link é porque estará querendo justamente uma resposta pra essa pergunta danada: Por que eu devo gastar meu valorizado dinheirinho com um profissional registrado no sistema Confea/Crea se eu mesmo posso fazer isso ou eu tenho um amigo/vizinho/conhecido que é meu chegado e que sabe como fazer?
Aquele espaço é uma oportunidade de tentar mudar a idéia do leitor e, para tanto, é preciso usar argumentos um pouco mais diretos e convincentes.

Por isso tomei a liberdade de sugerir um novo texto para aquele espaço. Dou de graça para o Confea. E aceito, de boa, que seja aprimorado e ampliado por colegas que tenham mais ou melhores argumentos. O importante é que funcione.

Eis o que eu sugiro:



"POR QUE CONTRATAR UM PROFISSIONAL REGISTRADO NO SISTEMA CONFEA/CREA

Ao contratar um profissional devidamente registrado no Sistema Confea/Crea (Engenheiro, Agrônomo, Geólogo, Geógrafo, Meteorologista, Técnicos e Tecnólogos da área tecnológica) você terá um aliado para a solução do seu problema. Um profissional que se preparou (estudando em cursos reconhecidos pelo sistema) e está preparado para assumir tarefas e responsabilidades.

Um profissional do sistema não é um custo adicional. É uma garantia de retorno para o seu investimento. É a certeza de que seu dinheiro não sera investido na dúvida ou na insegurança. É a garantia de que o que há de mais moderno na ciência e na tecnologia será colocado à seu serviço, com racionalização do trabalho e redução de custos.

O seu vizinho/parente/amigo/conhecido pode dar a "garantia" que quiser. Se ele não tiver o registro no Sistema Confea/Crea essa garantia vale tanto quanto uma nota de três reais. O profissional do sistema tem um nome a zelar e uma marca a respeitar (a marca correspondente ao seu título profissional).

O profissional não ira usar a sua construção como laboratório para as suas experiências. Tudo o que ele projeta e executa tem o respaldo da ciência e da tecnologia, com a garantia das Normas Técnicas.

Quando uma obra projetada/executada pelo cunhado do vizinho do seu melhor amigo apresenta algum problema sua única alternativa é reclamar com as paredes. Porém, se o profissional for registrado no Sistema Confea/Crea, estaremos aqui para registrar e dar atenção ao seu caso.

Registro no Confea/Crea
Quando o Confea/Crea registra um profissional, e a cada ART – Anotação de Responsabilidade Técnica - emitida, ele está atestando que aquele profissional está apto a realizar obras com a melhor técnica, provendo bem estar à sociedade.
Quando o profissional é registrado, ele está submetido às regras do Confea/Crea, que estão em consonância com o Código de Ética Profissional.
Ser registrado significa que o órgão regulador, Confea/Crea, habilitou aquele profissional para trabalhar na área.
Sem o registro, o profissional não consegue emitir ART.
((observar que neste parágrafo - acima - eu não mexi. Acho que o original está muito bom))

Sinta-se Seguro e garanta o retorno do seu investimento: contrate um profissional do Sistema Confea/Crea."





PADILHA, Ênio. 202x





Leia também: POR QUE ODIAMOS TANTO O CREA?
A resposta, se me permitem uma tentativa, está em uma única palavra: COMUNICAÇÃO.
O certo, talvez, seria dizer "a falta de comunicação". Ou, se preferirmos, uma comunicação mal feita ou equivocada.


Comentário #1 — 03/09/2020 09:44

Mônica S. C. Schneider — Administradora — Bom Princípio/RS

É justamente por causa da resposta simples e incompleta que está no site do CONFEA, que as pessoas buscam os profissionais para "Comprar uma ART", não contribuindo para que o cliente conheça o verdadeiro valor que estes profissionais podem entregar para a sociedade. Mais uma vez, seu artigo foi certeiro! Obrigada por nos brindar com sua visão clara e assertiva sobre os fatos!

RÉPLICA DE ÊNIO PADILHA

Precisamente, Mônica. Uma das coisas mais importantes para o desenvolvimento do mercado da Engenharia no Brasil é o Marketing Institucional (que é aquele feito em nome da marca maior: A ENGENHARIA). O Confea, sem dúvida, precisa estar na linha de frente dessa batalha.

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO

(todos os campos abaixo são obrigatórios

Nome:
E-mail:
Profissão:
Cidade-UF:
Comentário:
Chave: -- Digite o número 7467 na caixa ao lado.

Digite uma palavra (no título do artigo):   

Digite uma palavra (no corpo do artigo):   

www.eniopadilha.com.br - website do engenheiro e professor Ênio Padilha - versão 7.00 [2020]

powered by OitoNoveTrês Produções

5029578

159