É PROBLEMA NOSSO, SIM SENHOR!

Atenção, colegas Engenheiros e Arquitetos. Fiquem atentos: esta questão do governo com os médicos é da nossa conta, sim senhor.
Não é \"problema deles\". É nosso!
\"Portão que passa um boi passa uma boiada\", já dizia meu velho pai. Essa pretendida obrigatoriedade de dois anos a mais nos cursos de Medicina com a prestação de serviços ao governo não passa de SERVIÇO CIVIL OBRIGATÓRIO. O governo está procurando resolver os problemas estruturais da saúde pública do país repassando o problema para os profissionais médicos. Simples!

Se essa manobra for bem-sucedida, logo logo isso se aplicará aos dentistas, depois aos fisioterapeutas, psicólogos... e, adivinhem... virá bater às portas da Engenharia (que já convive há mais de 5 anos com esse discurso embusteiro da falta de engenheiros no país). Da Engenharia para a Arquitetura será só uma questão de \"justiça social\".

Mas se você achar que o que eu estou dizendo é só paranoia minha, é só deixar pra lá. Deixe que os médicos e o governo se resolvam entre eles. Não é problema nosso, né?



ÊNIO PADILHA
www.eniopadilha.com.br | professor@eniopadilha.com.br

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO

(todos os campos abaixo são obrigatórios

Nome:
E-mail:
Profissão:
Cidade-UF:
Comentário:

www.eniopadilha.com.br - website do engenheiro e professor Ênio Padilha - versão 7.00 [2020]

powered by OitoNoveTrês Produções

4443843

4