Notas de "ARQUITETURA"

11/04/2019

ARQUITETOS TERÃO PROTAGONISMO NAS POLÍTICAS URBANAS NACIONAIS, DIZ MINISTRO

(Publicado em 11/04/2019)



É intenção do Ministério do Desenvolvimento Regional que a formulação da política urbana nacional e a reformulação programas nacionais de desenvolvimento urbano e habitação, conte com a participação ativa dos arquitetos e urbanistas. “Temos que ouvir quem entende e lida com o assunto no dia-a-dia”, disse o ministro Gustavo Canuto em audiência concedida no dia 9 de abril ao presidente do CAU/BR, Luciano Guimarães, aos membros da Comissão de Política Urbana e Ambiental (CPUA) e à coordenadora do Colegiado das Entidades de Arquitetura e Urbanismo (CEAU), Luciana Schenk.



Para obter mais informações visite caubr

Comentários

10/04/2019

O QUE CONSIDERAR AO PROJETAR PARA CRIANÇAS

(Publicado em 19/09/2018)



Le Corbusier declarou em seu texto seminal, Towards a New Architecture, que “... o homem olha para a criação da arquitetura com seus olhos, que estão a 1,70 metros do chão”. Códigos lógicos e racionais como esse configuram os padrões para grande parte da produção arquitetônica - mas, é claro, essas "normas" são tão construídas quanto a própria arquitetura. Esse padrão em particular é especialmente irrelevante ao projetar para crianças, em que as premissas arquitetônicas centradas em adultos não se aplicam e nem devem ser aplicadas.

A partir de 2018, as crianças (ou seja, pessoas com 15 anos ou menos) passarão a representar 26% da população global, uma estatística que devemos apreciar, uma vez que os 100% foram, evidentemente, crianças em algum momento da vida. Embora haja uma infinidade de fatores que moldam o tipo de adultos que nos tornamos, a arquitetura que nos deparamos quando crianças - seja nas estantes de uma biblioteca onde brincávamos de esconde-esconde ou na maçaneta da porta em que ficávamos na ponta dos pés para alcançá-la - pode ter um grande impacto na nossa perspectiva do mundo. Ao projetar a arquitetura especificamente para crianças, estamos moldando essas perspectivas futuras e, portanto, torna-se vital tratarmos o processo com rigor e empatia.



Para obter mais informações visite archdaily

Comentários

10/04/2019

ABEA MANIFESTA APOIO AO CAU/BR EM NÃO REGISTRAR EGRESSOS DE CURSOS EaD

(Publicado em 10/04/2019)



A Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura e Urbanismo (ABEA) manifestou apoio ao Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU/BR) na decisão de não conceder registro profissional a egressos de cursos de graduação na modalidade Ensino a Distância (EaD). Em nota, a entidade retoma documento publicado em 2017, em que se posicionava contrária ao ensino de Arquitetura e Urbanismo a distância.

Confira a nota completa da ABEA:



Para obter mais informações visite caubr

Comentários

09/04/2019

6º PRÊMIO DE ARQUITETURA INSTITUTO TOMIE OHTAKE AKZONOBEL
INSCRIÇÕES ABERTAS

(Publicado em 09/04/2019)



As inscrições para o 6º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake AkzoNobel abriram do dia 05/04/2019, tendo categorias voltadas para profissionais e estudantes. O objetivo do edital é mapear a produção arquitetônica contemporânea, destacando projetos significativos que levem em conta o comprometimento com o sítio de implantação e a sustentabilidade, bem como a inventividade projetual e construtiva.



Para obter mais informações visite caubr

Comentários

08/04/2019

CONHEÇA AS CINCO RAZÕES PARA CONTRATAR UM
ARQUITETO E URBANISTA

(Publicado em 04/12/2017)



Atenção, dedicação e profissionalismo. Como muitas outras coisas que são importantes na vida, para construir ou reformar um imóvel, você precisa fazer do jeito certo. E para fazer do jeito certo, você vai precisar contratar um arquiteto e urbanista. Ele é o profissional adequado para a realização de um bom projeto.

Em razão de seu conhecimento técnico, o arquiteto é capaz de entender os desejos de seus clientes e traduzi-los da melhor maneira possível, tornando-os reais, independente do tamanho e do valor. Para entender melhor a real importância desse profissional, listamos aqui cinco razões para que você contrate um arquiteto, seja para construir uma casa ou escritório, ou para reformas, das mais complexas às mais simples.



Para obter mais informações visite caubr

Comentários

05/04/2019

100 ESPAÇOS PÚBLICOS: DE PEQUENAS PRAÇAS A PARQUES URBANOS

(Publicado em 05/04/2019)



A chave para projetar ou recuperar com sucesso os espaços públicos de uma cidade é criar estratégias que favoreçam seu uso e os capacitem como ponto de encontro. Independentemente da escala, entre alguns dos aspectos mais importantes estão: o desenho informado pelas necessidades das pessoas; a consideração da escala humana; e uma mistura de usos que permita multifuncionalidade e flexibilidade e proporcione conforto e segurança.



Para obter mais informações visite archdaily

Cometários

04/04/2019

POR QUE A ARQUITETURA PODE SER O MELHOR INVESTIMENTO PARA A SEGURANÇA NOS ESPAÇOS PÚBLICOS?

(Publicado em 28/11/2018)



A arquitetura é poderosa, e assim como a energia nuclear, ela depende da forma como é utilizada. Pode criar cidades inabitáveis, mas também pode criar cidades mais seguras e melhorar nossa qualidade de vida.

Em diversos exemplos, o desenho urbano forneceu uma resposta aos espaços públicos deteriorados ou abandonados, o que não só evidencia o quanto a organização e a iluminação são imprescindíveis, mas também permite considerar os usuários e gerar espaços para o encontro.



Para obter mais informações visite archdaily

Comentários

02/04/2019

CAU/BR DECIDE RECUSAR REGISTRO PROFISSIONAL A ALUNOS FORMADOS EM CURSOS EaD

(Publicado em 02/04/2019)



O CAU/BR decidiu que devem ser recusados os pedidos de registro profissional de bachareis em Arquitetura e Urbanismo formados em cursos na modalidade Ensino a Distância (EaD). Dessa forma, os 27 CAU/UF que atuam nos estados e no Distrito Federal – responsáveis por realizar o registro de novos arquitetos e urbanistas – não poderão registrar esses egressos, impedindo-os de atuar na profissão. A deliberação foi tomada pelos conselheiros federais do CAU/BR durante a 88ª Reunião Plenária do Conselho, realizada em Brasília no dia 29 de março. Considerou-se para essa decisão que o campo da Arquitetura e Urbanismo está relacionado com a preservação da vida e bem-estar das pessoas, da segurança e integridade do seu patrimônio e da preservação do meio ambiente, e portanto tem impactos diretos sobre a saúde do indivíduo e da coletividade.

Além disso, o Código de Ética e Disciplina do CAU/BR determina que o arquiteto e urbanista deve deter um conjunto sistematizado de conhecimentos das artes, das ciências e das técnicas, assim como das teorias e práticas específicas presenciais da Arquitetura e Urbanismo, sendo impossível passar essa experiência da relação professor/aluno a distância. De acordo com o CAU/BR, um dos princípios que embasam a Arquitetura, Urbanismo e o Paisagismo é a necessária condição geográfica, sem prejuízo das de caráter histórico e cultural, sendo impossível passar essa experiência da relação professor/aluno à distância.



Para obter mais informações visite caubr

Comentários

02/04/2019

10 PROJETOS QUE ENALTECEM O TRAÇO BRASILEIRO DOS COBOGÓS

(Publicado em 02/04/2019)



Com beleza singular e funções que conversam diretamente com o clima nacional predominante, o cobogó teve seu momento de maior expressividade no modernismo brasileiro. Até hoje, o elemento com traço estético marcante confere identidade forte aos projetos e promove conforto ambiental para seus usuários.

Confira 10 projetos publicados pelas revistas PROJETO, FINESTRA e pelo portal ARCOweb, que usaram o cobogó como elemento norteador para suas concepções.



Para obter mais informações visite arcoweb

Comentários

01/04/2019

REDUZIR, REUTILIZAR, REPENSAR
Katherine Allen

(Publicado em 06/12/2018)



É muito comum, nos dias de hoje, sentir-se extenuado pela enorme quantidade de informações que consumimos, tanto consciente quanto inconscientemente. No mundo da arquitetura não é diferente, é preciso dedicar-se para acompanhar o feed diário do ArchDaily e por isso mesmo, entendemos que nem sempre é possível estar a par daquilo que é notícia no mundo. Mas isto que à primeira vista parece ser uma infinita linha de produção arquitetônica, não necessariamente vem ao encontro das mais recentes preocupações em nossa disciplina, aquelas voltadas à economia e compartilhamento de recursos.

Esta reflexão generosa, à respeito de como e para quem estamos construído nossos edifícios e cidades, encontrava-se oculta em meio a produção massiva que definiu a arquitetura durante o século XX, mas algo estava nascendo, mesmo que em estado embrionário - algo que está se tornando cada dia mais evidente nos dias de hoje. Cada vez mais, arquitetos estão incorporando processos e estratégias de sustentabilidade e/ ou reuso adaptativo. Os mais tradicionais prêmios e reconhecimentos do mundo da arquitetura estão operando uma efetiva mudança de direção em nossa disciplina, chamando à atenção não mais apenas aos mesmos grandes nomes, mas também para pequenos escritórios de arquitetura espalhados pelo mundo, aqueles que têm nos apresentado uma nova maneira de pensar e conceber a arquitetura.



Para obter mais informações visite archdaily

Comentários


« 1 2 3 4 5 6 7 8 »